Arquivo de Tag | Missa

Também quero usar véu.

As damas e as donzelas que usam véu já devem ter tido essa mesma sensação desagradável de que todo mundo está olhando. Não é nossa intenção chamar a atenção para a nossa pessoa, mas para a Pessoa de Cristo, para a Santíssima trindade: “Que todos olhem para Vós Deus Pai, Filho e Espírito Santo…” Não é isso que rezamos ao colocar o véu?
Penso que esta seja a maior razão pela qual as moças se sentem desmotivadas a usar véu na Missa: a vergonha. Elas têm vergonha de chamar a atenção. É compreensível, pois tudo o que é bonito atrai os olhares. E que coisa bonita é ver uma mulher de véu na igreja! Há outras coisas mais urgentes para se envergonhar, como usar decotes muito grandes na Missa, roupas curtas ou muito apertadas, isso sim atrai os olhares mas de uma forma muito negativa. Disso nossas mulheres deveriam se envergonhar. Mas este não é o tema desta tirinha. Concentremo-nos no véu.
Senhoras e senhoritas (que usam véu), já observaram o quanto as crianças olham para vocês? Como o véu atrai a atenção das criancinhas, especialmente meninas?
Na minha antiga Paróquia tinha uma menininha de aproximadamente dois aninhos de idade, sempre que ela me via na Missa ficava me olhando e olhava demoradamente. A mãe dela sempre se sentava num banco à frente do meu, e a criança passava a Missa quase toda olhando para mim. Dava quase para adivinhar seus pensamentos infantis. Hoje na nova Paróquia que frequento, também pude observar o quanto as meninas me olham, algumas me sorriem com um sorriso amigável.
O véu geralmente é feito de renda que é um tecido todo trabalhado com tema de flores. Um dos tecidos mais bonitos que existem é a renda, e mulher adora, não é mesmo? É um tecido gracioso e colocado sobre a cabeça da mulher chama a atenção das crianças de uma forma muito agradável. Muitas dessas menininhas sentem o desejo de usar aquilo também, embora sem entender o significado, querem porque acham bonito.
Criei essa tirinha para incentivar as moças que já usam o véu, mas que ainda sofrem por dentro. Para muitas é um sacrifício, e fazem por amor à Nossa Senhora, por amor a Deus e à Igreja. Para outras não é sacrifício nenhum, sentem até muito gosto nisso. E há aquelas que até gostariam de usar, mas ainda não sentiram a coragem de ousar, porque em suas paróquias ninguém usa. Para estas que escrevo também. Queridas flores, pensem no quanto agradariam a Nosso Senhor. O agradar a Deus deve estar acima do agradar aos homens. É bom quando a pessoa se veste com dignidade para ir ao encontro do Senhor na Santa Eucaristia. E com maior dignidade fica o vestuário da mulher quando ela orna sua cabeça com o véu.
E vocês damas e donzelas que já usam, não precisam de palavras para fazer apostolado, no seu silêncio a cada Santa Missa que frequentam vocês já o fazem. Pensem em quantas meninas passarão a usar o véu a partir do seu exemplo.
Coragem, moças!
Como dizia um padre que conheci: “Ave Maria e avante!!”

Salve Maria!O véu-editado

Anúncios

Os Sacramentos na vida da mulher

Sacramentos

Olá, amados leitores!!! Venho trazer a primeira tirinha do ano de 2013! E vamos inciar o ano falando um pouco sobre Sacramentos.

Os pais que amam verdadeiramente seus filhos, não se preocupam somente em colocar o pão na mesa, dar escola e vestir a eles, mas se preocupam também (e especialmente), com a vida espiritual deles. Daí, desde cedo, já levam os filhos à Igreja para receberem os Sacramentos.
“Os sacramentos são sinais eficazes da graça, instituídos por Jesus Cristo e confiados à Igreja, por meio dos quais nos é dispensada a vida divina. Os ritos visíveis sob os quais os sacramentos são celebrados significam e realizam as graças próprias de cada sacramento. Produzem fruto naqueles que os recebem com as disposições exigidas.” (CIC 1131)
Quando pequena, a criança depende em tudo dos pais. Portanto, é responsabilidade deles preparar e levar os filhos a receberem os primeiros sacramentos, e um cuidado especial deve ter as mães em como vestir suas filhas meninas. Quando a mãe acostuma a filha desde cedo a se vestir com pudor e modéstia, esta quando crescer não sentirá vergonha de vestir uma saia ou vestido mais composto.
Há mocinhas que vão receber o sacramento de Confirmação (ou Crisma) vestindo uma camiseta e calça muito colada. Não fazem por maldade, mas é que além de não terem uma boa formação espiritual, é assim que foram acostumadas a vestir desde pequenas.
A tirinha mostra uma sequência de imagens que exemplificam o modo correto e piedoso de a mulher se aproximar dos Sacramentos. Não é um padrão, mas como disse, exemplificam, ou seja: servem como exemplo para inspirar.
Devemos sempre lembrar que fazemos parte do Corpo de Cristo, os membros deste Corpo Santo devem ser cuidados com zelo: “Os sacramentos destinam-se à santificação dos homens, à edificação do Corpo de Cristo e ainda ao culto a ser prestado a Deus.” (CIC 1123)
Vou encerrar deixando umas bonitas palavras do Pe. Édouard Hugon, tiradas do seu maravilhoso livro O Rosário e a Santidade:
“Os Sacramentos estão em perfeita harmonia com a natureza humana, que é de uma só vez sensível e espiritual. Querer aplicar o homem a atos puramente intelectuais seria privá-lo de um leite indispensável à sua felicidade. Sua religião e seu culto têm necessidade de um alimento exterior; seus Sacramentos devem ser, como ele mesmo, compostos de uma alma e de um corpo. Os Sacramentos são um corpo, pois são sinais sensíveis; têm uma alma, pois contêm a verdade invisível do Altíssimo. Algumas palavras são pronunciadas: subitamente o sinal é invadido pela majestade divina; Deus passa ao sacramento, pois a graça está presente, e ao mesmo tempo que a graça toca a alma, a alma toca Deus.”
(R. P. ÉDOUARD HUGON, OP – O ROSÁRIO E A SANTIDADE. PREFÁCIO. PANORAMA DAS GRANDEZAS DO ROSÁRIO.)
Salve Maria!!

PS: CIC: Catecismo da Igreja Católica.

Missa ou balada?

Acontece de a gente se arrumar no domingo para ir à Santa Missa, mas quando se chega lá a impressão é que estamos em um baile, uma festa ou outra coisa. Muitas palmas, pulos, movimentos com o corpo, até danças mesmo. E o som é de bateria, guitarra, etc. Muito barulho!!
Infelizmente muitos esqueceram que a Santa Missa é a renovação do Sacrifício de Cristo.

Maria Bastos